Operação integrada autua veículos em rodovias alagoanas

Por ASCOM às 05/10/2017 15:54
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page

Foram abordados 98 veículos e 37 condutores autuados por irregularidades de trânsito

Texto de Micheliny Tenório

Em mais uma ação fiscalizadora em rodovias alagoanas, realizada nessa quarta-feira (4), agentes da Segurança Pública flagraram irregularidades em automóveis, por meio do uso da Câmara OCR, equipamento eletrônico que capta imagens à longa distância.

 

A operação integrada se concentrou nas rodovias AL-101 Norte, no trecho que corta o município de Maragogi e na AL-105, em Porto Calvo. A ação envolveu 23 policiais militares, que atuam no Sistema de Videomonitoramento da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), Batalhão de Polícia Rodoviário (BPRv) e 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), além de um técnico do Instituto de Tecnologia de Informática e Informação (Itec).

 

Uma parceria entre a SSP e o Departamento Estadual de Transito (Detran) tem viabilizado operações para captar imagens das placas de veículos que apresentem irregularidades, a exemplo de débito com licenciamento e IPVA. A imagem é captada pela câmara OCR, equipamento de ponta que alcança imagens com nitidez para que haja a devida autuação dos condutores.

Operação integrada se concentrou nas rodovias AL-101 Norte, no trecho que corta Maragogi e na AL-105, em Porto Calvo

Autuações

 

Conforme dados do Setor de Videomonitoramento da SSP, foram abordados 98 veículos com revista dos condutores. Houve autuação de 37 por diversas irregularidades de trânsito e oito veículos foram removidos para o pátio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), em Maceió.

 

Após pagamento de taxas, dois veículos foram liberados e foi constatado que nove condutores não possuíam habilitação para dirigir veículo automotor. Conforme o chefe do Sistema de Videomonitoramento, capitão PM Alberto Silva, a fiscalização ocorre rotineiramente com o objetivo de detectar irregularidades e evitar crimes.

 

“Visamos o combate ao crime de evasão de divisas, por meio de veículos com placas adulteradas, além de outras ocorrências, como porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, pois, além da fiscalização ao veículo o condutor também é abordado”, explicou o oficial. “O trabalho é dinâmico, em tempo real e instantâneo”, completou.

 

A Câmera OCR capta a imagem e, através da internet, envia para a central do Detran, que detecta se há irregularidade. Havendo, a informação retorna através de um aplicativo utilizado pelos agentes da Segurança Pública e, partir desse dado, o veículo e o condutor são retidos para abordagem.

Estado de Alagoas
Secretaria de Estado da Segurança Pública

R. Zadir Índio, 213
Centro, Maceió/ AL
57020-480

Copyright @2017
Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por TI/SSP AL