Segurança Pública reforça medidas internas para proteger servidores do coronavírus

Por ASCOM às 27/04/2020 11:10

Com adoção de procedimentos sanitários e de higiene, imunização contra influenza e testagem de casos suspeitos, corporações ampliam cuidados

Texto de Vanessa Siqueira

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) e as forças policiais a ela subordinadas vêm tomando diversas medidas internas de enfrentamento à Covid-19. As ações visam prevenir o contágio de servidores, bem como conscientizar sobre a importância de seguir os protocolos sanitários.

Uma das principais preocupações dos comandantes e diretores das instituições foi garantir Equipamentos de Proteção Individual (EPI), álcool em gel, materiais de limpeza e garantir a testagem e cuidados com a saúde dos integrantes das forças policiais.

As Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e Perícia Oficial realizaram aquisições destes itens, que já foram disponibilizados para uso.

Todas as instituições também implantaram procedimentos para garantir a higiene sanitária de instalações e veículos utilizados para atividades nas ruas.

No Corpo de Bombeiros, está em fase adequação um ambiente para estabelecimento do dique que será utilizado para limpeza e desinfecção de viaturas e equipamentos.

Além da garantia de EPIs, houve ações de imunização das tropas contra o vírus da Influenza. Mesmo com a campanha nacional de vacinação que prevê nesta fase a imunização de profissionais da segurança Pública, na Polícia Militar, o Comando de Policiamento da Capital (CPC) está realizando a vacinação de militares na capital. No Corpo de Bombeiros a vacinação está acontecendo no Quartel Geral da corporação e na Perícia Oficial, uma comitiva percorreu as sedes das unidades espalhadas em todo o estado para realizar a imunização.

A SSP também normatizou, por meio de portaria, o procedimento para a testagem dos profissionais da área e a definição do Centro Médico Hospitalar da Polícia Militar (CMH/S) como unidade responsável pelo atendimento e realização de exames daqueles que apresentem sintomas relacionados à Covid-19.  Todas as forças policiais estão acompanhando os casos suspeitos e encaminhando estes para a realização dos testes no Hospital da PM, bem como adotando o afastamento do trabalho daqueles que apresentem sintomas da doença.

O Secretário da Segurança Pública, Lima Júnior, também destaca que além dessa normatização comum a todas as forças policiais, as corporações vêm realizando campanhas de conscientização e orientação de como proceder durante as atividades de trabalho.

“Estamos seguindo todas as recomendações das autoridades de saúde para enfrentar a covid-19 na Segurança Pública. Além disso, seguimos atuando de forma integrada, realizando barreiras sanitárias e outras ações tomando todos os cuidados necessários para que os riscos sejam minimizados”, disse.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcos Sampaio, disse que a corporação iniciou ações de prevenção antes mesmo do decreto de situação de emergência. O Comando Geral está atuando em conjunto com os comandantes das unidades e com a Diretoria de Saúde da Corporação para acompanhar a situação junto ao efetivo para nortear o trabalho de combate à Covid-19.

“Compramos equipamentos de proteção, como máscaras e álcool em gel, a Sesau disponibilizou os testes rápidos e também compramos mais EPIs. Temos atuando na linha de frente no combate ao novo coronavírus, fiscalizando o funcionamento irregular de estabelecimentos tanto na capital quanto no interior, reforçando as barreiras sanitárias em conjunto com secretarias municipais de Saúde e orientando a população sobre as recomendações da OMS [Organização Mundial de Saúde], tudo isso sem deixar de cumprir nossa missão que é a segurança dos alagoanos. Orientamos os nossos militares quanto à higienização dos equipamentos comuns da atividade policial, das viaturas e claro na vida pessoal de cada um, pois mantemos contato com muitas pessoas e não podemos deixar de fazer a nossa parte, principalmente para não permitir que os nossos familiares sejam contaminados”, afirmou.

Já o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, afirma que instituição em adotar medidas administrativas e operacionais pautadas nas diretrizes das autoridades de saúde.

“Todas as medidas adotas na Polícia Civil, em função da situação de saúde provocada pelo novo coronavírus (covid-19), foram em benefício dos delegados, agentes e escrivães da instituição, e da população em geral, com o objetivo de evitar o adoecimento e a propagação do vírus, seguindo as recomendações da área de saúde e do governo de Alagoas”, ressaltou.

Estado de Alagoas
Secretaria de Estado da Segurança Pública

R. Zadir Índio, 213
Centro, Maceió/ AL
57020-480

Copyright @2020
Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por TI/SSP AL