SSP reforça ações integradas e mantém redução dos crimes violentos em Alagoas

Por ASCOM às 21/06/2022 10:34

Criação de uma força-tarefa conjunta entre os serviços de inteligência tem ajudado na redução de crimes

Paula Berle / SSP

Com a promoção de ações integradas de caráter ostensivo e investigativo, a  Secretaria da Segurança Pública de Alagoas (SSP) vem ganhando terreno no combate à criminalidade na capital e no interior. De acordo com os dados do Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac), a curva que reflete o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) se manteve em redução durante o mês de maio, ficando abaixo da média registrada nos quatro primeiros meses do ano.

Ao longo do mês de maio, foram registrados 96 homicídios em todo o estado, sendo 33 na capital. De janeiro a abril de 2022, a quantidade de CVLI chegou a 412, sendo 107 no primeiro mês do ano, 88 em fevereiro, 101 em março e 116 em abril. A média do período foi de 103 Crimes Violentos Letais Intencionais por mês.

 

FORÇA-TAREFA

Um dos fatores que impactaram nessa redução foi a instituição de uma força-tarefa investigativa integrada, implantada no mês de maio com o objetivo de localizar foragidos da Justiça do estado, desarticulando organizações criminosas com atuação em diversos municípios alagoanos.

Em um mês de trabalho, as investigações realizadas pela equipe formada por agentes das polícias Civil, Militar, Penal e pelo núcleo de inteligência da SSP resultaram na prisão de 58 pessoas envolvidas em crimes cometidos contra a sociedade alagoana.

Nesse primeiro balanço, foram cumpridos mandados de prisão nas cidades de Maceió, Paripueira, Maravilha, Rio Largo, Palmeira dos Índios, São Miguel dos Campos, Santana do Ipanema, Marechal Deodoro, Pariconha, Delmiro Gouveia e Barra de Santo Antônio.

Também foram registrados cumprimentos nos municípios de Tacaratu, em Pernambuco, e Ribeirão Preto e São Paulo, no Sudeste do país.

Entre os detidos, há acusados pelos crimes de homicídio simples e qualificado, porte ilegal de arma de fogo, estupro de vulnerável e roubo. Além do uso das ferramentas tecnológicas, os investigadores também contam com a parceria crucial da população, que, através do número 181, podem repassar informações para o Disque-denúncia, ajudando na elucidação dos crimes.

Com os bons resultados da integração, que promove a troca de informações e o uso de múltiplas técnicas de inteligência policial na produção de provas, as ações devem ser intensificadas. Para o secretário da Segurança Pública, Flávio Saraiva, os resultados mostram a potencialidade dessa força-tarefa, o empenho das equipes de segurança que atuam diariamente no combate à violência e o impacto dos investimentos do Governo de Alagoas no setor.

“Os números de maio refletem o trabalho integrado realizado pelos órgãos de segurança. Com trabalho ostensivo nas ruas, as ações táticas e investigativas e a entrega de novos equipamentos de segurança, seguiremos reprimindo a criminalidade e mantendo a segurança da população alagoana”, disse.

Estado de Alagoas
Secretaria de Estado da Segurança Pública

R. Zadir Índio, 213
Centro, Maceió/ AL
57020-480

Telefones:
Recepção: (82) 3315-2378 / Protocolo: (82) 3315-2381 / Administrativo: (82) 3315-2357

E-mails:
protocolo@seds.al.gov.br / seds@seds.al.gov.br

Copyright @2022
Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por TI/SSP AL